janeiro 13, 2017

A B C do Estilo | Como melhorar e manter a sua coleção de roupa interior

 
 
 
Se pretende construir um guarda-roupa refinado e de boa qualidade, a roupa interior não deve, de todo, ser esquecida. Como sabe, a roupa interior pode fazer ou arruinar qualquer coordenado.  Além disso, se usar as peças certas pode fazer maravilhas pelo seu estilo pessoal de dentro para fora ao aumentar exponencialmente a sua confiança e autoestima. Se a sua coleção de roupa interior atual precisa de uma renovação, não se preocupe. A verdade é que, comparada com o resto da sua roupa, é muito mais fácil de ser melhorada. Desde que saiba no que se deve focar. Se, não sabe por onde começar, é simples. O primeiro passo é ler este artigo. Os seguintes são:
 
Compreender de quantas peças de roupa interior realmente precisa
Se está habituada a ter uma gaveta a rebentar pelas costuras, tal é a quantidade de roupa que lá guarda, pense melhor. O importante é que perceba se realmente precisa de todas essas peças. Ou se, pelo contrário, apenas tem vindo a privilegiar a quantidade em detrimento da qualidade. Se assim for, e considerar que a sua gaveta de roupa interior está a precisar de uma boa purga, força.  Não se reprima. A verdade é que, provavelmente, precisa de muito menos peças do que pensa.
O importante é que se livre das peças que apenas estão a ocupar espaço e que já não utiliza por estarem demasiado velhas, gastas e sem forma.
 
Ser seletiva
Comprometa-se a ser tão seletiva e cuidadosa na escolha/compra de novas peças de roupa interior como é para as restantes peças do seu guarda-roupa. Bem como a ser tão diligente como foi na hora de purgar a sua gaveta da roupa interior. É fundamental que se livre de todas as peças demasiado gastas, desconfortáveis, rotas e sem forma. Nenhuma peça deve ser desconfortável seja qual for o seu uso: diário ou ocasional.
 
Encontrar as peças de roupa interior perfeitas para o seu dia-a-dia
Após a purga da sua gaveta da roupa interior é necessário, provavelmente, acrescentar algumas peças básicas. Assim sendo, o primeiro passo será renovar as peças de roupa interior que utiliza no seu dia-a-dia. Deve ambicionar possuir um determinado número de boas peças de roupa interior que irão complementar o seu estilo pessoal e que lhe assentem na perfeição. Para que este processo decorra na perfeição é importante que tenha bem definida a funcionalidade de cada peça e quais as suas preferências a nível de materiais, cores e corte. Uma boa ajuda será analisar as peças que descartou de forma a compreender quais as características a privilegiar e a evitar, considerando sempre o lado estético e funcional das peças. Certifique-se que a sua escolha se adequa ao seu estilo pessoal e dia-a-dia.
 
Escolher peças multifunções
Para manter a sua gaveta da roupa interior o mais versátil possível, procure encontrar peças com mais que uma função. Nomeadamente, soutiens com a opção de usar as alças em diferentes posições. Muitas vezes é o suficiente para voltar a usar aquele top/vestido que há muito está encostado por não ter roupa interior adequada para usar com ele.
 
Reavaliar a forma como organiza a sua roupa interior
A principal estratégia para ter uma gaveta da roupa interior bem organizada é organizar as peças de acordo com a sua frequência de uso. Peças que usa com maior frequência devem estar bastante acessíveis, contrariamente às peças de uso ocasional que podem, perfeitamente, ficar na parte de trás da sua gaveta. Pode, ainda, considerar usar organizadores de roupa interior de forma a manter cada peça no seu sítio certo.
 
Manter uma correta rotina de cuidados com as suas peças de roupa interior
É fundamental ter os cuidados necessários para uma boa manutenção das suas peças de roupa interior. Sendo que, o principal é proceder à sua lavagem respeitando os conselhos da marca disponibilizados nas etiquetas, entre eles:
  1. Optar por secar as peças ao ar.
  2. Prender os soutiens pelo centro-frente (parte que une as copas) para secarem sem perder a forma.
  3. Lavar à mão peças delicadas e/ou com renda.
  4. Colocar as peças num saco próprio para roupa interior antes de as colocar na máquina de lavar.
  5. Utilizar um detergente suave.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela vossa visita/comentário!