janeiro 05, 2017

A B C do Estilo | 10 Erros de estilo a evitar no ambiente profissional

  1. Decotes pronunciados e tops de alças finas. É fundamental ter atenção ao tamanho do decote que decide usar no seu local de trabalho para não correr o risco de chamar para si a atenção dos outros colaboradores pelos motivos errados. Nomeadamente se o simples facto de se curvar a deixar desconfortável. O mesmo se aplica nos casos de atendimento ao público em que o balcão é rebaixado, o que a pode deixar numa posição desconfortável. As peças com transparências também não são indicadas para o ambiente profissional. A melhor opção é usar um top da mesma cor da blusa para evitar deixar visível a sua lingerie. Se é dotada de um peito grande, uma boa estratégia para evitar que os botões fiquem demasiado repuxados  na zona do peito, é usar um top por baixo da camisa, deixando abertos os primeiros botões da camisa. Opte, sempre, por blusas com alças grossas que tapem uma boa parte dos ombros e evite, a todo o custo, tops cai cai.
  2. Roupa muito apertada ou muito larga. Vestir um tamanho abaixo não a vai ajudar a parecer mais magra, bem pelo contrário. Usar roupa demasiado apertada apenas vai evidenciar as zonas que tanto se esforça por disfarçar, além de lhe retirar liberdade de movimentos. O principal propósito da moda é ajudá-la a sentir-se confortável nas peças de roupa que utiliza. Usar peças de roupa demasiado largas também não fará muito pela sua imagem. É  obrigatório que opte por usar peças que lhe assentem na perfeição e sempre que tal não acontecer ou não comprar a peça ou recorrer a um profissional especializado para fazer as alterações que julga necessárias. Usar o seu tamanho correto é o caminho certo para manter o seu estilo impecável.
  3. Roupa muito curta ou muito comprida. No seu ambiente profissional não deve usar peças de roupa muito curtas por muito boa forma que o seu corpo exiba. Peças de roupa muito curtas tendem, ainda, muitas vezes, a deixar o corpo demasiado exposto, bem como a expor a lingerie. Certificar-se que o tamanho da bainha das suas calças é o correto é a melhor estratégia para evitar mostrar demasiado as pernas e/ou tropeçar enquanto caminha. Usar saias demasiado curtas ou compridas também não é uma boa opção. As saias muito curtas tendem a subir de cada vez que se senta. As saias compridas, por sua vez, podem restringir-lhe os movimentos e/ou ser uma das razões porque tropeça.
  4. Construir um coordenado com demasiada informação. Misturar muitos e variados acessórios nem sempre é uma boa ideia: ainda que sem querer pode dar a ideia que parece uma árvore de Natal, tal é a quantidade de acessórios que está a usar. Deve, isso sim, optar por usar acessórios com conta, peso e medida.
  5. Usar roupa interior pouco (ou nada!) apropriada. A sua roupa interior deve, sempre, ficar na sua esfera privada. Logo, deve sempre evitar que a sua lingerie transpareça, bem como, certificar-se que as alças de silicone do seu soutien não ficam visíveis. Lembre-se que, no ambiente profissional deve optar por lingerie com pouco relevo de forma a não se notar por baixo da sua roupa. Outro aspeto a ter em grande consideração é que é obrigatório usar o seu tamanho certo de forma a manter tudo no sítio certo, sem vincar o corpo.
  6. Não respeitar o seu tipo de corpo. Cada corpo é um corpo e cada um tem as suas especificidades que devem sempre ser respeitadas. É obrigatório ter o cuidado de se vestir tendo em consideração o seu tipo de corpo e o cargo que executa no seu ambiente profissional.
  7. Usar cores e padrões demasiado arrojados. Conjugar corretamente diferentes cores é mais fácil do que parece. O truque é coordenar até 3 cores, evitar cores demasiado berrantes e padrões de grandes dimensões. É fundamental que o seu estilo reflita a sua personalidade sem que a sua imagem saia prejudicada.
  8. Não respeitar o contexto profissional. Para que o seu estilo se mantenha impecável e a sua imagem reflita os valores da empresa com que colabora, é fundamental que respeite o dress code da empresa e todas as suas especificidades. A sua imagem não deve distrair o outro, sob pena de prejudicar a sua credibilidade e reputação.
  9. Desleixar os cuidados com o cabelo e a maquilhagem. O cabelo e a maquilhagem são peças fundamentais para conseguir uma boa imagem. Além de se tratar de uma questão de higiene pessoal (no caso do cabelo!). Se não possui uma grande habilidade para tratar destes, opte por usar uma maquilhagem simples e natural à base de poucos produtos e um corte de cabelo que exija pouca manutenção.
  10. Desleixar os cuidados com as mãos e unhas. Mãos bem hidratadas e unha limpas e bem tratadas são fundamentais para transmitir uma imagem bem cuidada. Para tal, basta aplicar um bom hidratante com regularidade e, se usar verniz, certificar-se que está, sempre, impecável.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela vossa visita/comentário!