novembro 17, 2015

Valorização Pessoal | Como ser mais organizado

Apesar de ser uma pessoa bastante organizada. Sei que posso ser muito melhor. E posso melhorar muito a minha vida se continuar a querer evoluir e aprender a ser uma pessoa melhor. Ser uma boa empresária requer muito e boa organização. Ser boa pessoa. Boa mãe. Boa mulher.  Boa dona de casa. Boa profissional. Requer muita organização. Queiramos ou não. A organização é a base de uma vida mais realizada e feliz. Quando partilhei as minhas estratégias para ser bem sucedida. Foquei que a organização é uma palavra chave. E é mesmo. Sendo empresária por conta própria. É fundamental que exista organização. Para realizar todas as tarefas que pretendo. Para me manter motivada e focada nos meus objetivos. E para que a vida flua com maior naturalidade. E sem ansiedade desnecessária.
Aqui ficam algumas dicas. Algumas já faço há algum tempo. Outras estou a começar a fazer. E os resultados começarão a surgir. É só uma questão de manter o foco.
  1. Planear a semana com antecedência. Durante muito tempo fui menina para planear tudo e mais alguma coisa. Fazia planos e mais planos. E a verdade é que, na grande maioria das vezes, saíam furados. E daí começou a crescer alguma da minha ansiedade e negatividade. Quando dei por mim a sonhar e a lutar por concretizar e não conseguir. Foi aí que tudo começou. Hoje sei que muita da minha negatividade e ansiedade advém desses tempos. E a verdade é que com o tempo comecei a procrastinar e não dava grande importância ao planeamento. Ia muito ao sabor da maré. Não digo que seja um mau caminho. É, simplesmente,  um caminho que não funciona comigo. Eu gosto de saber sempre com o que posso contar. E foi aí que me apercebi que, para uma boa gestão do blogue e da empresa. Era fundamental fazer um bom planeamento. Visto que a minha plataforma de comunicação é o blogue. É importante não perder o fio à meada. É importante manter a minha essência. E apenas partilhar o que me faz sentido partilhar. E a melhor forma de saber sempre onde me encontro é preparar antecipadamente a minha semana. Seja ao nível de publicações. Passatempos. Gestão dos serviços disponíveis. Vida pessoal. Enfim. É por isso que, por norma, todas as semanas. Guardo um dia para preparar a semana seguinte. Retira-me uma grande carga de ansiedade dos ombros. E possibilita-me focar no que é mais importante.
  2. Apontar todas as tarefas. Este é o meu calcanhar de Aquiles no que toca à organização. Durante muito tempo fui avessa ao uso de agenda. Não que não goste de agendas. Mas quando chega a hora de a usar. Parece que não sei como a usar. E acabo por, de cada vez que compro uma, não a usar totalmente. Nem tirar dela o melhor partido. Uma vez que já foram várias as que comprei e não usei. Já foi muito o dinheiro investido e muito poucos resultados. Decidi pesquisar novas formas de usar a agenda. E a que mais me entusiasmou foi o conhecido Bullet Journal. Basicamente é um caderno onde apontamos todas as tarefas. E objetivos. Apesar de ser um sistema fácil de usar. Acabei por não me identificar muito com ele. E voltei à estaca zero. Acredito que ainda não encontrei o formato certo de agenda. Vai daí, utilizo as aplicações de notas do telemóvel para apontar todas as tarefas. Sejam elas publicações no blogue. Sorteios e passatempos. Consultas médicas. Marcações no cabeleireiro e esteticista. Enfim. Uma outra forma de me manter em cima do acontecimento é utilizar planos semanais ou mensais. Num caderno que anda sempre comigo crio um plano mensal e aponto todas as publicações  do blogue que pretendo fazer. E todas as tarefas de que não me posso esquecer. Bem sei que acabo por me repetir mas eu avisei que era o meu calcanhar de Aquiles. Sugestões??
  3. Eliminar distrações. Sendo uma pessoa muito curiosa distraio-me com muita facilidade. Se estiver a trabalhar em casa então é fatídico. Qualquer som ou conversa noutra divisão me distrai. Como a distração não é compatível com a produtividade tive que encontrar uma solução. E a minha estava bem perto de casa. O bar da biblioteca da minha cidade tornou-se, em pouco tempo, no meu escritório. Todas as semanas sou presença assídua. E apesar de estar sempre rodeada por muitas pessoas. Algumas delas amigas pessoais que aí trabalham. A verdade é que é o meu local favorito para dar asas à imaginação e criatividade. Ocupo uma secretária. Coloco os auscultadores nos ouvidos. E nada ao meu redor me desconcentra. Mesmo quando assim parece. É a melhor arma para combater a distração e tornar-me realmente produtiva.
  4. Organizar o espaço em redor. A organização só faz sentido num meio organizado. Se o ambiente que nos rodeia está um autêntico caos. Não conseguiremos ser organizadas. Por isso, antes de começar a trabalhar certifico-me que cada coisa está no seu lugar. Que tudo o que posso vir a necessitar está ao meu alcance. E tudo o que já não preciso ou não me acrescenta valor deixa de marcar presença. O facto de não me apegar a objetos facilita-me bastante a vida. Porque assim não acumulo nada. Apenas tenho comigo o que uso e sei que preciso. Sou uma fã incondicional do minimalismo. E destralhamento é o meu nome do meio!
  5. Eliminar a procrastinação. A procrastinação é o maior inimigo do ser humano. E por vezes ela ataca em força. Eu que o diga. Durante algum tempo padeci dela. E ao fim de algum tempo torna-se difícil combate-la. Mas é possível. E para tal tudo o que têm de fazer é seguir os passos já descritos. E com tempo e disciplina os resultados começam a aparecer. Acreditem. Falo por experiência própria!
Partilho muito da minha experiência pessoal. Porque sei que há muitas pessoas que se podem identificar comigo. E podem não estar a conseguir dar a volta por cima. Ou virar a página. E apesar de parecerem verdadeiros clichés. A verdade é que todos estes pequenos gestos juntos podem fazer uma grande diferença. Dia após dia.

2 comentários:

  1. Adorei o texto! Ajudou-me a consolidar alguns dos hábitos que tenho adquirido nos últimos anos :)
    Ter uma agenda para apontar tudo é uma das coisas que mais me ajuda. Confesso que no meio de tudo isto, a procrastinação continua a ser o meu maior desperdício de tempo :/ Mas acho que com a idade, e a experiência, tenho vindo a melhorar :)

    http://apelequehabitoblog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! :)
      Eu quero ver se me habituo a usar uma!
      Já estou em busca de uma nova cobaia! ;)
      Beijinho

      Eliminar

Obrigada pela vossa visita/comentário!